Banrisul - Relaš§es com Investidores Mobile
Banrisul lucra R$ 725 milhões no primeiro semestre

Banrisul lucra R$ 725 milhões no primeiro semestre

A governadora Yeda Crusius, o secretário da Fazenda, Aod Cunha, e o presidente do Banrisul, Fernando Lemos, receberam a imprensa, na sede do Banco, para apresentar os resultados do balanço financeiro da instituição no primeiro semestre de 2007. O lucro líquido de R$ 725,1 milhões nos primeiros seis meses deste ano, valor 283,9% superior ao de igual período do ano passado, foi comemorado pela governadora. ┤Os números comprovam a gestão profissional do banco que mais trabalha pelo desenvolvimento das comunidades gaúchas┤, afirmou, lembrando o compromisso assumido, ainda na campanha eleitoral, de dobrar o tamanho da instituição. ┤Graças à confiança da população riograndense, ao dedicado trabalho da direção, funcionários e colaboradores, o Banrisul colhe hoje esses excelentes resultados, que o colocam entre os grandes bancos brasileiros┤, salientou. No primeiro semestre, o patrimônio líquido do Banrisul registrou R$ 1,8 bilhão em junho de 2007. Os juros sobre capital próprio pagos no período foram de R$ 100,7 milhões e a rentabilidade anualizada sobre o patrimônio líquido ficou em 94% no semestre (33% em junho de 2006). A captação total dos recursos em mercado, por meio de depósitos e recursos de terceiros administrados, atingiu R$ 15,4 bilhões em junho de 2007, com acréscimo de 16,7% sobre o mesmo período do ano anterior (R$ 13,2 bilhões). Os depósitos totais registraram saldo de R$ 11 bilhões (R$ 9,3 bilhões em junho 2006). Yeda Crusius ressaltou a credibilidade do Banrisul, consolidada no road show mundial iniciado a partir de São Paulo e Rio de Janeiro, passando por Cingapura, países europeus e Estados Unidos. ┤O Banco foi conquistando a confiança de quem aplica dinheiro. E dinheiro, para os investidores, não se joga em mau negócio┤, salientou. O secretário da Fazenda e presidente do Conselho de Administração do Banrisul, Aod Cunha, saudou os números apresentados no balanço financeiro. ┤Isso demonstra a força do Banco e de uma boa gestão que o setor público é capaz de fazer┤, avaliou. Aod destacou, ainda, que, com a capitalização, o Banrisul irá alavancar a economia do Estado nos próximos anos. O presidente do Banrisul salientou que, hoje, o Banco do Estado do Rio Grande do Sul é uma das maiores instituições financeiras do Brasil, ainda que os números apresentados não reflitam totalmente a capitalização da empresa, pois aconteceu em julho e o balanço financeiro encerrou no dia 30 de junho. ┤Mas parte desse resultado é fruto do processo de capitalização realizado graças à determinação da governadora Yeda Crusius de fortalecer o Banrisul como banco público┤, afirmou. Fernando Lemos destacou que esse resultado é o maior da história do Banco. ┤Ao incrementar o crédito, estamos fomentando a economia do Estado. É a forma de retribuir todo o prestígio concedido pela população gaúcha, que confia no futuro do Banrisul┤, concluiu.

Crédito
O saldo da carteira de crédito geral do Banrisul, setor privado, totalizou R$ 4,5 bilhões, evoluindo em 14% sobre o mesmo período de 2006 (R$ 3,9 bilhões em junho 2006). O crédito concedido às pessoas físicas registrou volume de R$ 2,4 bilhões em junho de 2007, superando em 22% o realizado no mesmo mês do ano anterior (R$ 2 bilhões). Nos primeiros seis meses de 2007 foram contratadas 169,2 mil operações de consignação em folha de pagamento, no valor de R$ 610,8 milhões. As operações direcionadas às pessoas jurídicas totalizaram R$ 2,1 bilhões (R$ 1,9 bilhão em junho 2006), seguindo a política adotada pelo Banco no sentido de alocar recursos prioritariamente para pequenos tomadores. No primeiro semestre de 2007, também foram alocados R$ 289 milhões na área da saúde e R$ 208,3 milhões no crédito destinado à educação. Os recursos de terceiros administrados atingiram R$ 4,3 bilhões, com crescimento de 12,2% em relação a junho 2006 (R$ 3,9 bilhões). Os ativos totais registraram, no final do semestre, R$ 17,3 bilhões, com aumento de 18% sobre igual período de 2006 (R$ 14,6 bilhões). Destes, R$ 7,3 bilhões de recursos direcionados para títulos e valores mobiliários e aplicações interfinanceiras de liquidez (R$ 6,2 bilhões em junho 2006) e R$ 6,8 bilhões em operações de crédito, com crescimento de 8,9% (R$ 6,2 bilhões em junho 2006).

Pontos de Atendimento
Para facilitar o acesso aos produtos e serviços aos seus 2,9 milhões de clientes, a Rede de Atendimento Banrisul estava composta, ao final de junho de 2007, por 1.069 pontos de atendimento, distribuídos em 418 agências, 283 postos de serviços e 368 pontos de Banrisul Eletrônico. Do total de agências, 389 estão localizadas no Rio Grande do Sul, 13 em Santa Catarina, 14 nos demais estados brasileiros e duas no exterior. Presente em 390 municípios do Rio Grande do Sul, o Banco beneficia 97,4% da população gaúcha, que correspondem a 97,3% do PIB do Estado. Nos primeiros seis meses de 2007 foram inauguradas três novas agências no Estado.

Banricompras
O Banricompras permite ao cliente do Banrisul efetuar pagamentos de compras com seu cartão magnético, dispensando, assim, o uso do talão de cheques. Para os lojistas cadastrados, o produto possibilita a venda à vista ou a prazo. No primeiro semestre 2007, foram realizadas 22,2 milhões de transações neste canal, gerando um movimento financeiro de R$ 1,2 bilhão.

Modernização Tecnológica e Infra-estrutura
No semestre os investimentos em Infra-Estrutura, Informática e Telecomunicações somaram R$ 69,2 milhões.

Recursos Humanos
O Banrisul encerrou o primeiro semestre de 2007 com 8.901 empregados. Para a remuneração de pessoal foram destinados R$ 353,1 milhões, incluídos encargos e benefícios. Nos programas destinados à capacitação profissional e treinamento, o Banco investiu R$ 2,2 milhões. Os cursos realizados contaram com 5,9 mil participações. No período, foram admitidos 114 funcionários provenientes do concurso público realizado em 2005.

Responsabilidade Social
As ações de responsabilidade corporativa do Banrisul refletem o compromisso de investir em programas de geração de emprego e renda, de dar atenção à educação e à saúde, de preservar os valores e tradições culturais e de proteger o meio ambiente. No conjunto, foram investidos mais de R$ 7,1 milhões, no primeiro semestre de 2007, em projetos educacionais, culturais, esportivos e voltados à saúde. Um dos compromissos da administração é zelar pela perenidade da instituição e incorporar considerações de ordem social e ambiental na definição dos negócios e das operações.

Reorganização e Oferta de Ações
Em maio de 2007, o Banrisul protocolou junto à Comissão de Valores Mobiliários (CVM) o pedido de registro de oferta pública de ações. Encaminhou ainda, a adesão à listagem das ações do Banco no Nível 1 de Governança Corporativa da Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa). Para isso, novas regras de transparência e tratamento dos acionistas minoritários foram estabelecidas. Com isso o Banrisul deu um passo importante rumo ao objetivo de aumentar seu capital. Em Assembléia Geral, os acionistas aprovaram mudanças no estatuto social, que preparam o Banco para esta nova fase da Instituição. O processo de oferta pública, a mudança de estatuto e a adesão ao Nível 1 de Governança Corporativa foram passos dados no sentido de reforçar o Banrisul como banco público e injetar recursos, por meio de emissão primária de ações, para expandir seus negócios e consolidar sua estrutura patrimonial, além de permitir, também, a colocação de ações preferenciais pertencentes ao Estado, que compuseram a oferta secundária.

Fonte: Clésio.net - ed. 15.08.2007


Fale com RI

Telefone: +55 51 3215-3232
E-mail: ri@banrisul.com.br

© 2018 - Banrisul.
Todos os direitos reservados.